6 C
Berlim
Sexta-feira, Março 1, 2024

Novo jogo de tiros para vários jogadores no meio de catástrofes naturais Novo jogo de tiros para vários jogadores no meio de catástrofes naturais: Exoborne pode atacar como um relâmpago desastres naturais: Exoborne pode atacar como um raio

Follow US

80FãsCurtir
908SeguidoresSeguir
57SeguidoresSeguir

Em Exoborne, lutas contra outros jogadores enquanto és sugado e cuspido por um tornado. Falámos com os antigos criadores da Division por detrás do jogo

Não estou a falar do resumo das notícias mundiais dos últimos dois anos, mas sim deExoborne – o novo jogo de tiros dos antigos criadores de The Division.

Desde que o estúdio Sharkmob foi fundado em 2017, tem estado a trabalhar em novas tendências de shooter com aquele certo algo. No ano passado, foi lançado Vampire: The Masquerade – Bloodhuntum battle royale com sanguessugas, e agora foi anunciado o shooter de extração Exoborne com desastres naturais.

Pude ver algumas cenas de jogo com antecedência e conversar com o cofundador e diretor criativo do Exoborne, Petter Mannerfeldt. E para vos dar a minha primeira impressão numa frase:Este jogo pode tomar de assalto o mercado dos jogos de tiros.

Desastres naturais como elemento de jogo

Já que estamos a falar de tempestades, vamos ficar por aqui – afinal de contas, é uma das características mais excitantes do Exoborne! Para além do tornado, Petter não me quis dizer que outras catástrofes naturais te esperam – mas até estes representantes do vento têm muito para oferecer.

Embora uma pessoa normal com uma mente razoavelmente clara se mantenha afastada de tempestades tão extremas, em Exoborne serás atraído pelos olhos de cada furacão – é aí que se encontram os melhores saques! Mas onde há mais recursos, há também mais jogadores. E não importa o quão tempestuoso seja: Os outros jogadores são e continuam a ser o verdadeiro perigo, garante-me Petter Mannerfeldt.

Embora também existam elementos PvE e adversários de IA, o foco está nas batalhas PvP. Aliás, as batalhas são sempre travadas em equipas de três – se quiseres jogar a solo, tens de te separar dos teus colegas de equipa depois de o jogo começar e seguir o teu próprio caminho

Ganhar distância rapidamente também não deve ser um problema para ti, pois há várias formas de te deslocares. Carros e ganchos são auto-explicativos, mas podes até usar o próprio remoinho perigoso para te deslocares:

As catástrofes naturais não só têm impacto no aspeto visual do jogo, como também na jogabilidade. Por exemplo, o vento é um dos conceitos do jogo para viajar para locais distantes de para-quedas.

No Exoborne, os perigos aproximam-se de ti não só a partir do chão, mas também de cima e de baixo.Isto deve permitir uma maior liberdade tática na forma como uma batalha é abordada. A grande variedade de decisões tem como objetivo aumentar a parte estratégica global do Exoborne – começando com o equipamento certo.

Impermeabilização e armamento

Se quiseres dar um passo para fora da porta no mundo de Exoborne e não seres diretamente desmembrado por inimigos e tempestades, precisas de umaExorig Esta é uma peça de tecnologia de ponta no corpo do jogador que lhe permite resistir até às mais duras catástrofes naturais. Resumindo:É um exoesqueleto com um nome fixe.

(O teu Exorig pode ser personalizado de várias formas.)” src=”https://www.global-esports.news/wp-content/uploads/2023/12/In-Exoborne-youll.jpg” width=”3840″ height=”2160″ /☻

Mas o Exorig pode fazer ainda mais – o que depende exatamente de cada jogador. Em vez de encontrares fatos prontos a usar no mundo, podes criar um Exorig a partir de diferentes materiais. Por exemplo, podes decidir se queres ter mais pontos de vida e assumir o papel de um tanque ou se preferes ser rápido e manobrável, mas rapidamente ficas sem tempo.
Ainda não é claro se as armas também terão tantas opções de personalização. A maior parte das armas do Exoborne serão armas de tiro contemporâneas – Petter Mannerfeldt não quer revelar mais nada nesta altura.

O que já é certo, no entanto: O jogo de armas não adopta uma abordagem mais realista como emEscape from TarkovouHunt: Showdown. Neste aspeto, Exoborne deve ser jogado como um shooter clássico.
Sem medo da morte

Mesmo com o melhor equipamento, é provável que morras mais cedo ou mais tarde em Exoborne. Tal como acontece nos jogos de tiros de extração, não só perderás o jogo, como também todo o equipamento que tinhas contigo. O Exorig melhorado, a tua arma preferida e certamente outros objectosdesaparecem depois de morreres.

O castigo parece um pouco mais duro do que é na realidade,mas Petter Mannerfeldt dá-te luz verde.Vai sair com um monte de coisas se conseguires sair do mapa. Não é mau, habituas-te a morrer.

(Perdes muitos itens quando morres, mas, segundo os criadores, não é muito mau.)
(Perdes muitos itens quando morres, mas, segundo os criadores, não é muito mau.)

Aliás, se quiser jogar sozinho e afastar-se do seu grupo, as suas hipóteses de sobrevivência não são automaticamente piores – pelo menos de acordo com o diretor criativo. Sozinho, podes esgueirar-te de forma muito mais eficaz e apanhar o bom saque secretamente ou atacar de emboscada – mas em combate aberto contra uma equipa completa, o mais provável é perderes e dares por ti no átrio.
Aí podes não só reunir a próxima Exorig, mas também falar com NPCs e aceitar missões. Os companheiros de IA não serão apenas figuras sem alma:A ideia é contar uma história a sério,com cenas e todos os pormenores.

Novo conteúdo regularmente

Exoborne deverá continuar a ser apelativo a longo prazo – dado o género, não é de admirar que esteja a ser utilizado ummodelo de estação. No entanto, ainda não é claro em que intervalos começarão e o que conterão exatamente. Os clássicos seriam, naturalmente, novos equipamentos e armas, mas mapas adicionais também não são improváveis

Afinal de contas, estarão disponíveis vários campos de batalha aquando do lançamento. Queremos oferecer experiências diferentes em mapas diferentes, diz Petter. Ainda não se sabe quantos mapas haverá, qual a sua dimensão, o que os torna diferentes e quantos jogadores estarão numa partida. Petter responde a esta última pergunta com uma gargalhada:‘Um monte’ é a definição até agora.

Ainda não existe uma janela de lançamento para o Exoborne nem sequer foram comunicadas as plataformas. Até agora, fala-se de PC e consolasmas não foi revelado se isto inclui a velha geração (PS4 e Xbox One) e a Nintendo Switch. No entanto, com toda a informação que ainda falta, parece muito provável que Exoborne ainda demore algum tempo a chegar.

Veredicto do editor

Não consigo parar de jogar Exoborne na minha cabeça a toda a hora. Imagino-o como Just Cause 4 como um jogo de tiros PvP – e o que vi até agora parece exatamente o mesmo. Voar ao longo do tornado com um para-quedas e um gancho, mas desta vez estou a disparar contra jogadores e não contra grandes barris explosivos e NPCs.

Mas o que me deixa ainda mais curioso são as coisas que ainda não sei: que outros desastres naturais nos esperam em Exoborne? Tsunamis? Incêndios florestais? Erupções vulcânicas? A catástrofe natural depende do mapa? Que influência têm no jogo? As possibilidades são enormes e podem ser tão fixes que me pergunto: porque é que ninguém fez isto antes?

No entanto, ainda estou cético quanto à quantidade de estratégia que estará realmente envolvida neste jogo de tiros tático. O facto de as balas poderem agora vir de cima e de haver personalizações de equipamento não significa que haja muita finesse tática – Fortnite e Apex Legends também não são battle royales tácticos.

É difícil imaginar se a história em curso vai continuar a ser emocionante e bem encenada ao longo de várias épocas – especialmente quando olho para o Bloodhunt. Mas, em última análise, para mim, pessoalmente, e provavelmente também para a maioria do grupo-alvo, isto é absolutamente secundário – se a jogabilidade for óptima, posso facilmente ignorar uma história pouco convincente. O potencial está definitivamente lá!

Stephan
Stephan
Idade: 25 anos Origem: Bulgária Hobbies: Jogos Profissão: Editor online, estudante

RELATED ARTICLES

Dinossauros e robôs: Começaram os novos saldos Steam, eis as nossas 7 recomendações

A nova promoção da Steam junta dois temas muito curiosos e dá-te algumas ofertas muito boas Os dinossauros e...

O que é que vem a seguir em Helldivers 2? Bosses, mechs, novos inimigos – os veteranos da parte...

A comunidade de Helldivers 2 já se questiona sobre o que está planeado para o jogo de tiros no...

Skull and Bones: A grande atualização da 1ª temporada está aqui, todas as novas funcionalidades e notas de correção

Algumas semanas após o lançamento oficial, a primeira temporada de Skull and Bones zarpa. O que está dentro de...